quarta-feira, 2 de julho de 2008

Solidão...

Às vezes, acertamos mais com um gesto, com um silêncio, do que com mil palavras.

65 comentários:

Fab disse...

Chana, tienes razón su postura, su edad y lo que pasará por su mente es algo que la imagen invita a imaginar, excelente trabajo!!!
Saludos

montse disse...

Buena imagen que nos ayuda a reflexionar sobre todo lo que sugiere esta silueta que nos muestra "la vejez", con todo lo que eso significa!!
Muy bien!!
Un abrazo desde Barcelona.

wind disse...

Sábia frase para excelente trabalho de edição da foto.
bjs

p y b disse...

Subscrevo as tuas palavras e que bonita composição!
Um Abraço,
Beta

RUBEN-ENFOKME disse...

Buen efecto que le va muy bien a la toma y que nos hace reflexionar sobre la soledad.Un saludo

Carla disse...

...a força do silêncio...que belo trabalho

Xinha disse...

Olá, chana !
Olho para a foto e vejo solidão e tristeza... realmente acho que ali falta um abraço.. um gesto de carinho, para dar cor ...

Belo texto.

Xi-coração

quinttarantino disse...

Uma verdade insofismável!

Menina do Rio disse...

Some times...
Um beijo pra ti e boa semana, querido!

o meu passatempo disse...

Ola Chana,boa tarde, bonita imagem do que é a solidão e com um ditado muito verdadeiro um resto de boa semana para si um abraço

***Fotografia e Luz*** disse...

Excelente imagem de uma solidão que infelizmente sofremos todos um pouco e com um ditado muito antigo mas verdadeiro

FERNANDA & POEMAS disse...

Olá querido Fernando, não tenho palavras para defenir tamanha beleza... Simplesmente sublime!!!
Beijinhos de ternura,
Fernandinha

FERNANDA & POEMAS disse...

Olá querido Fernando, não tenho palavras para defenir tamanha beleza... Simplesmente sublime!!!
Beijinhos de ternura,
Fernandinha

LOURO disse...

Amigo Chana, belíssima postagem!!!
Foi um prazer visitar-te...Um abraço,
Lourenço

Praxis disse...

Realmente una imagen nos dice mas que las palabras y con esta, nos muestras toda la vida de este personaje con esta expresión tan especial...Felicidades!!!!

Un abrazo

Sophiamar disse...

Amigo

Vim ao teu encontro depois de um comentário deixado no meu blog. Foi com muita alegria que li as palavras que lá deixaste. Às vezes a solidão faz-nos falta mas outras vezes as palavras são o alimento de que necessitamos.
Hoje, foi o caso.

Mil beijinhos

Bem hajas!

Baba disse...

Magnífico!!

Una imágen, para pensar en lo que puede haber detras de los años, cuando a veces la soledad es la única compañera que se tiene !!
Un gran trabajo.
Besos.

Daniel J Santos disse...

Magnifico, muito bem.

" JOTA ENE ® " disse...

Gostei do registo.
Abraço

mariam disse...

apetece dar-lhe um abraço, é isso, dar-lhe-ia um abraço e um grande sorriso,

e outro a si também :)
boa semana

Lívia Lisandro disse...

hey, não fiques triste!!

beeijos!

Deusa Odoyá disse...

Oi meu estimado amigo.
obrigado por sua visita ao meu cantinho.
As vezes realmente precisamos estar só, pois através dessa tão triste solidão, é que podemos meditar, escutando o apelo de nossa alma.

Beijos da amiga. Regina Coeli.
Obrigado por sua visita ao meu cantinho.
fique na paz.



.

ISB disse...

A veces una mirada sirve de ancla.
Buen tratamiento para la actitud.
Um abraço.

Crisfonseca disse...

Que lindo, fiquei por um bom tempo a contemplar. Belíssima
Beijos,
Cris

Carminda Pinho disse...

E tens toda a razão, amigo.
Essa foto foi "trabalhada"? Ficou bonita.:)

Beijos

Andreia do Flautim disse...

Há muita por aí!

Raquel disse...

Bellísiima la fotografía y toda la evocación.
Saludos

Arco-íris disse...

Concordo plenamente com o teu pensamento...
excelente frase...
beijinhos

Isabel-F. disse...

tens toda a razão ...


gostei do teu trabalho com a imagem ... acho sempre interessante o negativo das mesmas ...


bjs

alexandra disse...

Una bella foto y con un mensaje tan profundo.
Un gran abrazo desde Buenos Aires.

Graciela disse...

'Una palabra no dice nada y al mismo tiempo lo dice todo' es parte de la canción del cubano Carlos Varela de la película Hombre en Llamas, si tienes oportunidad escúchala Fernando!!!.
Excelente tu trabajo, tienes mis besos y abrazos tiernos!!!

Cristina disse...

Olá Chana... Bela composição.

Tem um lindo fim de semana.

Beijo

fadazul disse...

Ai, como amo seu espaço!!!!!!!!
fotos lindas, belas palavras, inteligência...bjks

Pedro R. García Jódar. disse...

Barbaro!!! Un mensaje muy bello. Saludos compañero.

Gerlane disse...

Sábias palavras, amigo! Reflexiva e artística imagem!

Um bom fim de semana!

Beijos!

sonia a.m. disse...

Fernando, você tem razão. O silêncio é eloquente. Muito sensível esta imagem!

Obrigada pela gentil visita ao meu blog! Beijos.

Dulce disse...

As palavras adequadas à imagem - uma imagem que transporta o peso da solidão.

Ju disse...

é verdade... e às vezes ficamos semp palavras.
beijos.

MORGANA disse...

Cierto, querido amigo, en los silencios compartidos, cabe el mejor sentimiento de compañia.
Pero también hay silencios que puede llevarte a los más áridos desiertos del alma.
Bellísimo post.
beijo

Viento disse...

Qué foto rara, Fernando, como si fuera un dibujo...
Está triste...

Besos

FERNANDA & POEMAS disse...

Olá querido Fernando, Venho desejar-te uma boa semana... muitos beijinhos de carinho, Fernandinha

george disse...

Que tratamiento más fantástico amigo es una foto genial.
Una abraçada.

NAELA disse...

Excelente frase e imagem! Revestida de sensibilidade, dando a conhecer a outra face da solidão!
Beijo doce

xtobal disse...

hola buenas espero que no te moleste mi entrada.
me gustas tus fotos.son fantasticas,y la del soldado esta muy bien tratada.
buen disparo.

Parapeito disse...

.................................
:)*

mingo disse...

Una imagen vale más que mil palabras.Excelente imagen , hace reflexionar. Saludos!

Denise disse...

Amigo
concordo plenamente e assino em baixo.

Rafaew disse...

exatamente'

Ana Maria disse...

Obrigada pela visita e pela solidariedade.
Beijinhos carinhosos

Alice Matos disse...

Chana...
Que belo está o teu post...
Retrataste a solidão de uma forma perfeita... E... realmente... como pode falar o silêncio...
Um beijo para ti...

Andreia do Flautim disse...

Um abraço para ti!

Vieira Calado disse...

Ou como uma fotografia judiciosamente tomada.
Um abraço

Maria disse...

existe, sim...
... e é verdade, também...

beijo

Anja Rakas disse...

Experimenta um abraço...

P.S. desculpa a invasão.

Bjs angelicais

Maripa disse...

Excelente!
E que palavras sábias acompanham este trabalho. Parabéns.

Beijo carinhoso.

Liz / Falando de tudo! disse...

Eu sempre digo que o silêncio vale mais que mil palavras!
Sempre que venho aqui me encanto com as fotos, essas ai embaixo dos rios sao soberbas!
Beijos,
Liz

Suave Toque disse...

Chana meu amigo, e como tens razão,por vezes o silencio diz mais que mil palavras.
Obrigada por estar sempre presente.

Beijos e um ótimo final de semana.

Suave Toque

Voz do meu Coração disse...

Obrigada Chana pela sua passagem pelo meu blog, pois me ajudou a combater um pouquinho da minha solidão, uma boa semana e um bjo.
Dora Coimbra

Multiolhares disse...

como é verdade existem silencios olhares que não presisão de palavras
lindo
beijo

cuentosbrujos disse...

un tratamiento muy curioso y un trabajo estupendo, saludos amigo , he tardado por que he estado de vacaciones pero ya regrese saludos brujos¡¡¡

BIA disse...

Imagens comunicam, tal como as palavras...

O impacto de ambos, está em quem os entende...

Há momentos em que o silêncio é de ouro e as palavras têm que esperar....

Eu, ainda necessito muito das palavras...não das que o vento leva, das que entram directamente no coração...das que fazem calar todos os silêncios e encontram eco...

Abraço

BIA

Vera Márcia disse...

"Parado e atento à raiva do silêncio
De um relógio partido e gasto pelo tempo
Estava um velho sentado no banco de um jardim
A recordar fragmentos do passado"
(Mafalda Veiga)

MORGANA disse...

Porque a veces, decimos más en el silencio compartido.
Besitos.

Carla Silva e Cunha disse...

efectivamente as vezes o silêncio vale mais qaue mil palavras...calados dizemos mais...

boa semana

Cláudia Martins disse...

nota-se perfeitamente a expressão de solidão e ao mesmo tempo de tristeza.
Beijo